quinta-feira, 20 de agosto de 2009

Solidariedade, nossa missão

Não consigo deixar de pensar em como sofrem os cristãos e as demais pessoas em países como Sudão, Coréia do Norte e Cuba. Cito estes três exemplos de países (há muitos outros!) onde a perseguição aos cristãos e o sofrimento do povo correm juntos. A nossa solidariedade deve consistir em identificar-nos com os nossos irmãos nestes lugares, imaginando como deve ser a vida deles em regime de opressão contínua. No Sudão predomina a fome e a pobreza extremas, com vários campos de refugiados e uma matança contínua promovida por grupos islâmicos. Na Coréia do Norte, sofre o povo sob o regime totalitário de um governo comunista opressor e em Cuba, apesar de o conhecido e até admirado por alguns, Fidel Castro ter se afastado do comando do país por motivo de saúde, ainda não há liberdade de crença de forma que os cristãos continuam a sofrer toda série de privações. O discípulo de Jesus caracteriza-se por sua solidariedade, quer seja de forma concreta, quer seja à distância como nos encontramos destes países citados, neste caso, orando por eles e procurando saber como estão através de sites como você pode ver aqui mesmo neste blog da Missão Portas Abertas. Portanto, convido você amado de Jesus a estabelecer períodos de oração por países que sofrem sob regimes opressores (Irã, China, por exemplo) e pelos discípulos de Cristo que ali vivem. Esta é a nossa solidariedade. Este deve ser nosso compromisso. Que o Senhor Jesus Cristo abençoe ricamente sua vida!

Nenhum comentário:

O Discípulo e as Bênçãos da Salvação

Das muitas, inumeráveis e abundantes reflexões que a Palavra de Deus proporciona a todos nós, discípulos de Cristo, está o que concerne...