Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2012

Jesus é tudo o que mais devemos desejar

Imagem
Muito além de qualquer outro ser humano, acima de qualquer ser espiritual, incomparavelmente melhor do que muitos milhões de reais na conta bancária, está a nossa fé e devoção por Jesus Cristo nosso Senhor. Para além de qualquer coisa de mais preciosa que possa haver na vida, o homem deveria ter por Jesus o amor mais profundo, a devoção mais plena, o apego mais exaltado. Porque em Jesus Cristo tudo está convergindo conforme o apóstolo Paulo diz em Ef 1.10: "De tornar a congregar em Cristo todas as coisas, na dispensação da plenitude dos tempos, tanto as que estão nos céus como as que estão na terra." 
Por isso é que o discípulo, o seguidor, o aprendiz de Jesus deverá de contínuo retornar às Escrituras. Retornar às Escrituras é algo salutar e necessário. Porque o discípulo de Cristo somente aprenderá tudo o que concerne ao seu Mestre mediante a revelação escrita sobre Ele. Isso pode parecer redundante mas é fundamental no caminho do discipulado.
Jesus é de fato TUDO o que ma…

A restauração de um discípulo

Imagem
Pedro negou o seu Senhor quando este fora preso. Pedro negou que o conhecia por três vezes. Pedro pecou contra Jesus (Mt 26.69-75; Mc 14.67-72; Lc 22.54.62; Jo 18.15-27).
Este episódio leva-me à uma reflexão sobre mim mesmo. Pois quantas vezes eu tive comportamento semelhante ao de Pedro? Quantas vezes neguei Jesus com meu comportamento mau, dúbio e execrável? Sendo assim, nem eu nem qualquer um de Seus discípulos poderão apontar o dedo e condenar a Simão Pedro, homem falível e pecador como qualquer um de nós. O que ele fez, negando veementemente por três vezes de que conhecia a Jesus Cristo, negando qualquer identificação com Ele, dizendo não ser seu seguidor ou discípulo, acontece quase sempre na vida de qualquer um de nós.
Verdade é que Pedro, como nos é testificado nos evangelhos, era aquele discípulo que se destacava em relação aos demais por causa de seu forte temperamento, seu destemor, sua prontidão em servir ao Mestre. Foi ele quem fez a declaração magnífica acerca da identi…